Julho no Japão: festivais de verão, cerveja, praia e subir o Mt. Fuji!

O verão no Japão vai de junho a agosto e é uma estação bem úmida e quente. Depois do mês chuvoso de junho, em julho a chuva dá uma trégua. As pessoas lotam as ruas em todo o país. Seja pelo calor ou por conta dos festivais, fica tudo muito cheio.

Se você vai viajar nessa época se prepare. Já que é período de férias lá, os japoneses costumam viajar também.

É em julho, também, que abre a temporada para subir o Monte Fuji (Fuji-san). Uma aventura incrível e imperdível para quem vai ao país nesta época e gosta de trilhas, caminhadas e desafios junto a natureza. MAS ATENÇÃO: embora todos possam se aventurar, não deixe de seguir as dicas de quem já foi: Marina Tsuge no Monte Fuji.

O que mais se pode fazer no Japão em julho?

Julho no Japão ser sinônimo de muito calor (abafado por causa da umidade excessiva). As pessoas saem às ruas e preferem fazer atividades ao ar livre.  Além do Festival Tanabata, comemorado em todo o país, existem outros festivais locais que são muito famosos. Aqui dou dicas de quatro deles, que acontecem todos os anos:

Tanabata Matsuri ou Festival das Estrelas

É no dia 7 de julho que a Princesa Orihime e Hikoboshi (as estrelas Vega e Altair, respectivamente), podem se reencontrar. O casal pode se reencontrar uma única vez por ano, no sétimo dia do sétimo mês e, em agradecimento a essa dádiva,  atendem os pedidos das pessoas." O Tabanata está entre os 3 maiores festivais do país.

Você escreve o seu desejo nos tanzakus, pedaços de papel coloridos, e pendura em ramos de bambu. Cada cor representa um desejo diferente: amarelo (riqueza); rosa (amor); vermelho (paixão); azul (saúde); verde (esperança). O país todo fica decorado com grandes enfeites coloridos feitos de papel que são pendurados em tetos e árvores.

Um dos maiores festivais Tanabata acontece em Sendai, Miyagi, na região de Tohoku nos dias 6 a 8 de agosto.

Vecteezy

Gion Matsuri em Kyoto

Considerado o maior festival do país, o Gion Matsuri acontece desde 869 d.C. A cidade de Kyoto fica em festa e entre os dias 17 e 24 de julho, acontecem os desfiles com os maiores carros alegóricos. As festas noturnas que precedem os desfiles – Yoiyama – são muito animadas e você pode curtir com junto com os moradores locais, vestindo um yukata.

Tenjin Matsuri em Osaka

Este festival do Santuário Tenmangu, é um dos três principais festivais do Japão e homenageia a divindade Sugawara Michizane. Se comemora nos dias 24 e 25 de julho de cada ano e existe desde o século X. O ponto alto da comemoração ocorre no dia 25 de julho, quando há a procissão terrestre e uma procissão fluvial com um espetáculo de fogos de artifício.

Sumida River Fireworks Festival em Tóquio

No último sábado de julho, acontece esse festival de fogos de artifício ao longo do Rio Sumida. A origem desse festival data de 1733, quando o xogum Tokugawa Yoshimune promoveu a queima de fogos Ryogoku Kawaki-no-Kiraki, em pedido ao fim da fome e afastar os maus espíritos. Um grande público se aglomera às margens do Rio Sumida, desfrutando das barracas de comida e bebida e apreciando o show deslumbrante dos fogos.

Fuji Rock Festival ‘23

Para quem gosta de rock, este é um dos eventos que pega fogo no Japão. Diferentemente dos festivais que conhecemos, é um dos festivais mais tranquilos, limpos e sem tumulto NO MUNDO! Grandes estrelas da música e mais de 200 músicos, participam do festival, todos os anos e o tema do Fuji Rock deste ano é "Feel Great at Fuji Rock" e contará com a participação de Alanis Morissette, Foo Fighters, Lizzo e outros.

Shutterstock

Beer Festival em Sapporo e biru gardens pelo país!

Julho é o mês ideal para os apreciadores de cerveja. Aquela gelada no fim do dia, se torna um ritual no verão do Japão. As pessoas lotam as ruas e apreciam as “biru gardens” em rooftops, calçadas, praças, restaurantes, para beber uma boa cerveja e petiscar!

E para quem não gosta muito de calor, um bom destino é Hokkaido. Lá acontece o Sapporo Summer Festival, no Parque Odori, no distrito de Susukino. O festival teve início em 1954, no Parque Nakajima e em 1957, foi para o Odori Park. As festividades duram quase 1 mês (este ano de 21 de julho a 16 de agosto) e atrai mais de um milhão de visitantes.

Dicas: experimente a cerveja Kirin, coma espetinhos de rua – yakitori, coma um churrasco japonês – Yakiniku, refresque-se com uma raspadinha de gelo - Kakigori e vista um yukata.

Praia, caminhadas e esportes ao ar livre

Para quem não gosta de cerveja e festas, seguem dicas de passeios e atividades.

Uma boa dica é ir para Okinawa. Conhecido como o Caribe japonês em julho e agosto, já não chove tanto e dá para curtir várias ilhas paradisíacas, com águas cristalinas e um clima sub-tropical. Para quem curte mergulho, praia e calor, é ideal.

O mar azul turquesa, um povo animado, educado e muito feliz, comida saborosa, clima caribenho, história e resorts luxuosos, são de enlouquecer!

Também, há várias opções de trekking e caminhadas nos parques nacionais e montanhas. É época também de canoagem e rafting, nos locais de maior altitude. Os Alpes japoneses são uma boa opção para quem gosta de atividades ao ar livre e radicais.

🤗 Se você gostou desse post, também vai gostar desses aqui:

Referências:

Jornalista por formação, é curiosa e espontânea. Sua marca registrada é o sorriso. Sabe ser sargentão, mas tem os momentos "deixa a vida me levar". Muito autêntica no seu jeito de ser, é uma mãe "vida loka".

O Japão + Perto de Você!

Viagem

Programa Viajando para o Japão - o único curso que te leva ao Japão

Grupo VIP

O Japão + perto de Você: conectado com o Japão todos os dias

Ebook Japão

Guia Completo de Viagem ao Japão: nosso e-book mais vendido!

Siga a gente nas mídias sociais:

@japaotsuge

@japaocomtsuge

/japaocomtsuge

Lista Samurai

Telegram Samurai

Whatsapp Samurai
Compartilhe esse artigo!

Veja os artigos recentes

Deixe seu comentário


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


Um Japão diferente e pouco conhecido!

2 meses ago

[…] Verão em Julho no Japão […]

Japão com Tsuge

Assine a newsletter

Copyright 2022 Japão com Tsuge © Todos os direitos reservados